Imagem capa - Abrace seus Clientes - Jack Mitchell por Matheus Salvador
Resumo de Livros

Abrace seus Clientes - Jack Mitchell

Abrace seus clientes!


Abraçar implica demostrar paixão – Sem isso e também sem comprometimento, o atendimento ao cliente jamais atinge um nível de excelência.


Os abraçadores são apaixonados pelo seu trabalho, o que facilita o desenvolvimento de relações pessoais duradouras e fiéis com os clientes - Isso significa ver, escutar e se preocupar com o cliente, tratando-o como amigo.


É preciso deixar os clientes extremamente satisfeitos - No novo cenário não basta mais ter clientes apenas satisfeitos.


Um abraço supera as expectativas de um cliente - Existem várias formas de abraçar, um sorriso, um aperto de mão ou uma palavra carinhosa. É uma questão de atitude.


A empresa deve parecer um lar - Os clientes devem ser chamados pelo nome, ofereça mimos;


Conheça os seus clientes – é preciso compreendê-los verdadeiramente e saber tudo que for possível a respeito deles. Você escuta, informa-se, abraça.


Você pode oferecer serviços que sejam comuns em outros negócios, mas que representa um luxo no seu – Dessa forma, os clientes se sentem como reis.


Quando se tem o hábito de abraçar, os clientes retribuem – Quando isso acontece, significa que seus abraços atingiram o alvo e uma relação verdadeira começou a a se estabelecer; o cliente confia em você.


É preciso gostar de pessoas – é impossível desenvolver uma empresa acolhedora se você não gostar verdadeiramente de pessoas, pois, sua personalidade molda o negócio.


A localização nem sempre é o mais importante – Se você mantiver uma cultura de acolhimento, não precisará do melhor ponto da cidade; basta oferecer um ótimo atendimento.


Cative o número 1 – Se um potencial cliente tornar-se fiel a você, os outros o seguirão. É o poder do número 1.


É preciso abraçar para superar obstáculos – Toda empresa enfrenta dificuldades. Quando isso acontece, o ideal é fazer ajustes que não afetem os clientes.


Pessoas / Atendimento / Produto – O atendimento deve preceder o produto, mas as pessoas vêm primeiro. Acredite, isso torna a recíproca se torna verdadeira.


A Tecnologia deve apoiar o acolhimento – A tecnologia é a espinha dorsal de qualquer negócio, deve ser projetada para ajudar a compreender os clientes e suas necessidades, deve ser simples e acessível e não um fator burocrático.


Marketing Direto – Com a tecnologia a seu favor, conhecendo seus clientes, as iniciativas de marketing se tornam mais eficazes. Isso é marketing de relacionamento.


Escreva bilhetes personalizados – Para favorecer o relacionamento, sempre que possível escreva cartas e bilhetes personalizados para seus clientes.


Consistência e integridade – Essas duas palavras devem estar presentes no seu dia-a-dia, é nelas que se baseia a confiança;


Os erros são desafios e oportunidades, não problemas – Os enganos são uma oportunidade de fazer algo grandioso. Os clientes nunca se esquecem de um erro, mas lembram especialmente o que você fez para contornar e dar um jeito na situação.


Siga os cinco passos para solucionar um problema – Reconheça, admita, peça desculpas, contorne a situação e de um abraço no cliente.


Não cometa o mesmo erro duas vezes – Registre o erro e aprenda com ele, pense numa forma de como não repetir a mancada novamente.


Pergunte ao cliente como ele vê o seu desempenho – A única maneira de se descobrir algo é perguntando – então ouça e aprenda.


O novo é sempre bem-vindo – Os produtos e serviços básicos já não são suficientes, pois, os clientes têm fome do novo. Os abraços podem perder o frescor caso sejam dados sempre da mesma forma.


Não deixe que a experiência seja uma desvantagem – Não tenha medo de experimentar algo novo só porque você tem feito algo da mesma forma há muito tempo. Aprenda a analisar e pensar como se estivesse de fora.


Compartilhe suas melhores ideias – Crie uma comunidade e troque ideias, todos saem ganhando.


Eleve a barra – Ou você eleva suas metas todos os anos ou acaba perdendo pontos. A empresa como um todo deve estar envolvida nesse processo.