Imagem capa - Quem são meus Mentores ?! Figuras que me influenciam diretamente! por Matheus Salvador
Artigos

Quem são meus Mentores ?! Figuras que me influenciam diretamente!

Hoje vim compartilhar algo que não tem relação direta com a fotografia, mas sim com as minhas rotinas e por consequência interferem diretamente no meu trabalho e vida. Gostaria de mencionar cinco “figuras” que são, de certa forma meus mentores (ainda que eles não saibam) – Pessoas que me influenciam diretamente em vários aspectos – que moldam um pouco da minha identidade e que são grandes referências para mim.


Tenho o hábito de “consumir” um pouco de cada um deles diariamente e acredito que tudo que é bom - que possui um conteúdo relevante - merece ser compartilhado, para que talvez mais pessoas possam conhecer, absorver e se fizer sentido, aplicar em suas vidas.


1– Rodrigo Vinhas (@rodrigovinhas) – Referência quando o assunto é Marketing e Estratégias Digitais, além de insights sobre filosofias de vida - estoicismo, essencialismo e minimalismo – coisas que me identifico bastante. Além de dicas de leituras incríveis.


2– Gustavo Cerbasi (@gustavocerbasi) – Finanças - Um assunto imprescindível para quem tem um negócio, administra uma casa, ou mesmo para quem pensa no futuro. Sempre com dicas pertinentes, vídeos de conteúdo e livros muito bem embasados.


3– Marcelo Andrighetti (@marceloandrighetti) – Lembro do Marcelo da escola, no ano passado acabei tendo um contato mais próximo com o trabalho dele. Fiz um curso incrível, que tem me ajudado muito na construção da minha vitrine. Se você se interessa por storytelling e como construir boas histórias, acompanhem esse cara.

.

4– Renato DPaula (@renatodpaula) – Sou muito fã do trabalho dele, para mim é uma grande referência na Fotografia de Família – muitas das minhas inspirações vem deste fotógrafo. Além disso, é um profissional que sempre compartilha muito conhecimento, totalmente aplicável nos processos internos e na carreira num geral.


5– Buda – Fui um consumidor do Budismo mais frequente em 2018, e por forças maiores faltou tempo para dar continuidade, mas diariamente pratico meditação, faço minhas reflexões e procuro estar sempre mais próximo dos seus ensinamentos tão valiosos. Vou deixar a indicação de um perfil muito bacana sobre o assunto e que pode agregar algum valor (@sobreobudismo).