NEWBORN Caxias do Sul

Murilo | Newborn LifeStyle - Participação Eduardo de Moraes

Olá Amigos!! Tudo bem com vocês??


A fotografia tem me levado por caminhos que nunca imaginei que pudesse andar... E o mais incrível é que neste caminho existem pessoas, famílias e histórias de vida. Vivemos num mundo tão individualista, geralmente olhando sempre para nossos preciosos umbigos e valorizando nossos problemas.

Porém, tenho tido a oportunidade de conhecer algumas histórias que me fazem refletir sobre isso todo dia, sobre o que realmente é importante!?

Recentemente decide ampliar um pouco minha área de atuação dentro da fotografia. Para quem conhece e acompanha meu trabalho, sabe que sou apaixonado por famílias, e sentia que faltava registrar uma etapa importante: os primeiros dias do bebê. Decidi então me especializar em Newborn e este texto foi planejado para falar sobre isso, mas a vida faz suas voltas e te joga dentro de uma história muito, mas muito mais importante do que a eu tinha para contar.

Pois bem, conheci a Aline, o André e o Murilo por intermédio do Eduardo, que está comigo nesta nova jornada e tem sido um grande parceiro e amigo.

O Murilo nasceu um pouco antes do esperado, prematuro e devido a isto precisamos fazer o Newborn dele em casa, sugerimos fazer um ensaio no estilo LifeStyle, com os pais e alguns detalhes da rotina. Tudo ocorreu maravilhosamente bem e tivemos um resultado incrível.

Após isso, já com as fotos prontas, senti que faltava um pouco mais, precisava saber um pouco mais do Murilo. Foi quando conversei um pouco com a Aline e foi quando ela me contou um pouco da história deles.

No dia 20 de setembro a Aline e o André descobriram que estavam grávidos e tiveram uma gestação normal, tudo dentro do esperado. Aline me contou que contava histórias para o Muri antes de dormir e que ele adorava ouvir Mozart na barriga. Que demais né?! Porém, devido algumas complicações com a mamãe, Murilo precisou vir ao mundo um pouco antes do previsto, no dia 22/03 às 11:26 com 38cm e 1.610kg, precisando então ficar internado alguns dias na UTI, e a Aline também. No dia 21/04, domingo de páscoa o Muri foi liberado para ir para casa. E segue firme nesta luta chamada Vida.

Agora, o que me marcou nessa conversa foi fato de que como o nascimento foi imprevisto, não era para ser naquele momento, tudo precisou ser feito nas pressas. Os pais não tem nenhum registro deste momento, guardam essas lembranças apenas na memória. Quando o Murilo nasceu, devido ao fato de ser prematuro, não pode ficar com seus pais. A mamãe não podia ficar com seu bebê, não pode abraçar e nem ter aquele primeiro contato com seu filho, conhecia ele apenas por fotos, que o papai André tirava na incubadora. O contato aconteceu após 1 semana.

Não posso imaginar o sentimento de ter seu filho “longe” por dias, logo após o nascimento, um momento tão importante, mas posso imaginar o amor e o cuidado que estes pais tem com o Murilo, o quanto eles querem e precisam tirar o tempo que foi “perdido”. Dentro deste lar existe um amor tão gigante que da para sentir na pele, uma energia incrível que faz com que este guerreiro evolua dia após dia.

Sou muito grato por poder registrar esse momento tão importante e de poder guardar essa memória para os pais. A fotografia como registro é linda, mas sem história não tem valor. E o que está ali, por trás da imagem é que carrega o sentimento.


Obrigado Aline e André por abrirem as portas e confiarem no nosso trabalho.


Forte Abraço!

Matheus Salvador